Uma cabeleireira decidiu devolver o carro que ganhou em uma rifa solidária. O objetivo foi ajudar uma criança que precisava de uma cirurgia de emergência. O caso ocorreu em Petrópolis, na região Serrana do Rio de Janeiro.

O pequeno Akonn Verdugo Gonçalves, de 3 anos, necessitava de uma cirurgia imediata no valor de R$ 20 mil, de acordo com o site G1. Como o pai da criança trabalhava como vendedor de roupas de cama e não tinha condições de pagar o procedimento, a família decidiu fazer uma rifa solidária oferecendo o carro que possuíam.

Créditos: Arquivo Pessoal

Isabel Soares ganhou o carro em uma rifa e no mesmo instante o devolveu aos pais do Akonn

A cabeleireira Isabel Soares, de 48 anos, ficou sabendo da ação e comprou metade dos números. Ao saber que havia sido sorteada, ela resolveu doar o automóvel para a família de Akonn.

"Meu marido precisa do carro para fazer as vendas. É com esse dinheiro que paga todas as contas da nossa casa. Não sei nem como seria se ficássemos sem automóvel, mas naquela hora era o único bem que tínhamos para vender", disse Jéssica Verdugo, mãe de Akonn, ao site G1.

"Perdi meu filho em um acidente de trânsito aos 17 anos e não pude fazer nada. Por isso, vendo a luta dessa família, não medi esforços para ajudá-los, para que eles tenham a oportunidade de cuidar do filho deles", afirmou a cabeleireira.

Movimento Sou Responsável

Essa história faz parte da série para o movimento Sou Responsável, cuja meta é estimular o protagonismo dos brasileiros. Em pleno ano eleitoral, o Catraca Livre e o Instituto SEB de Educação decidiram apoiar essa campanha para ajudar o brasileiro a também ser parte das soluções, e não do problema.

Estudante de medicina adapta receita para paciente analfabeto