Quando uma pessoa é diagnosticada com algum tipo de câncer, ela nem sempre deseja se expor a todos nas redes sociais. Um aplicativo lançado recentemente promete proporcionar um espaço em que pacientes possam compartilhar suas histórias, postar fotos e interagir com quem passou pela mesma situação ou já venceu a doença.

O app Kimeo (www.kimeo.com.br) funciona como se fosse uma rede social, onde o usuário pode curtir, comentar e publicar suas postagens. Ele conta com duas parcerias, a Associação Brasileira de Linfoma e Leucemia (Abrale) e o Instituto Vencer o Câncer, fundado pelo Dr. Drauzio Varella, dois principais institutos de oncologia no Brasil.

Aplicativo é gratuito e pode ser baixado em aparelho Android e iOS

Créditos: Divulgação

Aplicativo é gratuito e pode ser baixado em aparelho Android e iOS

Além disso, a plataforma também mantém os usuários atualizados sobre tratamentos, estética e efeitos colaterais

"O conteúdo publicado no aplicativo é escrito exclusivamente por médicos e conta com um maior nível de aprofundamento", explica Gustavo Silva, um dos criadores do Kimeo.

O aplicativo também disponibiliza três ferramentas que auxiliam na rotina. O “Acompanhamento Diário” permite que o usuário registre como está se sentindo física e emocionalmente a cada dia. Ao ir ao médico, por exemplo, é importante se lembrar até de uma pequena dor de cabeça. Já o “Controle de Tratamento” funciona como uma agenda em que é possível acompanhar os horários de medicamentos e consultas médicas.

Por fim, a funcionalidade “Perto de Você” possibilita encontrar clínicas, hospitais, institutos ou especialistas mais próximos por meio de geolocalização.

O Kimeo é voltado não só para pacientes, mas para amigos, familiares e pessoas que já estão em remissão. Em breve, a plataforma permitirá que os usuários participem de grupos e tenham acesso a informações específicas acerca de seu tipo de câncer. O aplicativo é gratuito e já está disponível para Android e iOS.