Uma pequena empresa comandada por mulheres quer facilitar o acesso aos vestidos de casamento, promovendo a venda de modelos que custam a partir de R$ 299,90 para a noiva.

Créditos: reprodução/blog O Amor É Simples

Startup comandada por mulheres quer democratizar vestidos de noiva

As proprietárias da startup O Amor É Simples, as relações públicas Natália Pegoraro e Laís Ribeiro, dizem atuar na contramão do mercado de luxo e do status que envolve os casamentos, que distanciam muitos casais do sonho de formalizar a união.

Elas se juntaram à administradora Janaína Pasin e investiram em um negócio que envolve vestidos de noiva com valores diferenciados. A intenção foi a de oferecer modelos além dos tradicionais. A marca valoriza a mão de obra local.

Créditos: reprodução/site O Amor É Simples

Startup comandada por mulheres quer democratizar vestidos de noiva

A empresa começou com um investimento de R$ 10 mil, a partir da criação de uma linha básica com itens a partir de R$ 299,90. “Não é preciso uma festa luxuosa para ser feliz. O simples é lindo e é essa ideia que pregamos”, diz Laís Ribeiro.

Ao longo de três anos de atividade, foram mais de 500 vestidos entregues pelo país. A startup cresce pelo menos 10% ao mês e acabou de receber uma nova rodada de investimento.

Há outros sites pelo mundo que realizam esse serviço e entregam no Brasil, como o JJsHouse e o Light in the Box.

Produção de casamentos foca na cultura afrobrasileira