Um dos símbolos máximos da Páscoa são os ovos. Mas, enquanto em outras regiões do país são feitos apenas de chocolate, em Pomerode (SC) são os ovos das galinhas que se tornam símbolos da época.

Sinônimos de fertilidade para os cristãos, eles são pintados pelas famílias e compõem a decoração das ruas e casas da cidade durante esta época do ano. Somadas a galhos de árvores, as caquinhas se transformam em uma Osterbaum, uma das tradições trazidas pelos imigrantes alemães e mantidas até hoje.

Créditos: Divulgação

Concurso de Pintura de Casquinhas em Pomerode (SC) é realizado há 13 anos

A preservação dessa história é estimulada desde cedo: mais de 200 crianças de escolas municipais da cidade estão participando de atividades alusivas à data. Pinturas de casquinhas de ovos são feitas durante as aulas, com técnicas naturais de extração de tinta através de ingredientes como beterraba e cebola roxa.

Os melhores trabalhos são reconhecidos há 13 anos, com o Concurso de Pinturas de Casquinhas em Pomerode. A premiação deste ano acontece no dia 17 de abril. Além da própria obra, que pode integrar ainda as categorias colagem e pintura, os alunos apresentam memoriais descritivos que contam as inspirações para o ovo e as histórias das suas famílias com a Páscoa.

Créditos: Divulgação

Premiação dos melhores trabalhos acontece no dia 17 de abril

A tradição é tão forte que até um evento foi criado na cidade para celebrar a data e mostrar aos turistas esse hábito dos imigrantes. A edição deste ano da Osterfest (literalmente “festa de Páscoa”) acontece de 21 de março a 21 de abril. Novamente, Pomerode terá a maior Osterbaum do mundo, com mais de 100 mil unidades. O município recebeu o título pelo livro dos recordes em 2017.