Por Cristina Luckner, da eduK

Foram 4.200 horas e 720 mil fotos até as lentes do fotógrafo Alan McFadyen obterem a foto perfeita. O escocês é fotógrafo de natureza desde 2009 e tinha apenas um objetivo: capturar uma imagem de um pássaro martim-pescador durante seu mergulho, sem nenhum espirro de água sequer.

Ele conseguiu.

A foto perfeita do mergulho do martim-pescador sem respingos de água: depois de seis anos, o fotógrafo cumpriu seu objetivo

Créditos: Alan McFadyen

A foto perfeita do mergulho do martim-pescador sem respingos de água: depois de seis anos, o fotógrafo cumpriu seu objetivo

Alan precisava estar no lugar certo e dominar absolutamente as técnicas de velocidade do obturador para conseguir esse efeito da imagem.

Quer dominar as técnicas da fotografia? Conheça o curso Fundamentos da Fotografia. As aulas desse curso são gratuitas para quem se inscrever no Natal da Educação.

"Também era necessário que o pássaro fizesse um mergulho perfeito", afirmou Alan ao The Herald Scotland. Ele calcula que, em cada uma das sessões, chegava a tirar mais de 600 fotos e simplesmente nenhuma era boa. "Olhando para as milhares de fotos que tirei para conseguir essa imagem, me faz perceber quanto esforço foi necessário para realizar esse objetivo", disse Alan.

Uma das 600 fotos clicadas por Alan em suas sessões em busca da foto perfeita

Créditos: Alan McFadyen

Uma das 600 fotos clicadas por Alan em suas sessões em busca da foto perfeita

A paixão pela natureza e vida selvagem foram herdadas pelo avô, conta Alan, que costumava observar os martins-pescadores e ficava encantado com os pássaros. "Então quando comecei a fotografar, eu voltei ao mesmo lugar onde meu avô me trazia para ver o ninho dos pássaros para fotografá-los", contou ao jornal.

O vôo de um martim-pescador clicado por Alan

Créditos: Alan McFadyen

O vôo de um martim-pescador clicado por Alan