Formada por sete jovens com idades entre 13 e 22 anos de personalidades completamente diferentes e com Transtorno do Espectro Autista, a banda de rock Timeout vem fazendo sucesso em Brasília.

No repertório do grupo formado em 2017 estão músicas autorais e de bandas como Pink Floyd, Legião Urbana, Oasis, Mamonas Assassinas, AC/DC, entre outros ícones do rock.

Créditos: Divulgação

 A Tmeout é formada por sete jovens autistas

Mais do que tocar música de qualidade, Ivan Madeira, João Daniel Simões, João Gabriel Mello, João Henrique Lopes, Marcelo Bacelar, Matheus Winkler e Thiago Carneiro rompem paradigmas.

A iniciativa por um grupo de psicólogos do Instituto Ninar, que trabalha com jovens autistas, com objetivo de oferecer aos meninos uma alternativa de complemento às terapias comuns.

Em entrevista ao site Razões para Acreditar, o psicólogo Paolo Rietveld, idealizador do grupo e voluntário no Instituto Ninar, conta que “usualmente, pessoas com autismo são subestimadas, infantilizadas e colocadas em um lugar de exclusão, diferenciadas das pessoas consideradas ‘normais’”.

O nome da banda significa um “tempo fora” de todos os termos e técnicas da terapia tradicional. Aquele momento em que os meninos se preocupam apenas em se divertir.

Este mês, o grupo iniciou uma turnê pelas escolas de Brasília. O objetivo é mostrar que a inclusão é possível.