Como saber o quanto de verdade tem nas falas dos políticos? A plataforma jornalística Aos Fatos, lançada neste mês, surge com esta proposta: oferecer a verificação do discurso de autoridades.

A partir de uma declaração pública, sua relevância será analisada, e as fontes originais, as oficiais e alternativas, consultadas. A fala será então contextualizada e classificada em verdadeira, imprecisa, exagerada ou falsa.

“Acreditamos que o jornalismo diário carece de uma abordagem analítica baseada em fatos, e não apenas em opiniões. Percebemos que a cobertura feita pela imprensa tradicional, de quem somos entusiastas, e não inimigos, carece de dados, mas exagera em versões”, diz o texto do lançamento, que apresenta a iniciativa como “de jornalismo investigativo, independente e sem fins lucrativos”.

Os fundadores, Tai Nalon e Rômulo Collopy, lançarão uma campanha de crowdfunding em agosto. “A repercussão positiva que tivemos no lançamento mostra que existe grande demanda para esse tipo de iniciativa. Queremos preencher essa lacuna o quanto antes”, afirma Nalon.

O modelo, inédito no Brasil, é inspirado no norte-americano Politifact, no chileno Del Dicho ao Echo e no argentino Chequeado e oferecerá cobertura diária das ações dos Poderes Executivo, Legislativo e Judiciário.

Por QSocial